A dança muito além da sala de aula

 Em Sem categoria

Eu costumo falar muito com meus alunos sobre a importância das atividades fora do studio, como treinos e ensaios. Estas atividades extras são, sem dúvida, a maneira mais rápida de evoluir na dança.

Se pararmos para pensar que a semana tem sete dias e um aluno passa, em média, três horas dançando – considerando três aulas semanais – a frequência é baixa. O aluno passa mais tempo ocioso do que treinando.

Por isso é tão importante praticar exercícios fora da sala, mesmo que seja em casa.  Barras, sequências, centro, fortalecimento, alongamento, quanto mais se treina, mais alto é o nível de excelência.

Eu destaco principalmente a importância do alongamento diário. É preciso ser feito todo dia, sem furos, para o resultado aparecer. Outro ponto que todo bailarino precisa cuidar é do intelecto. Assistir filmes de dança, frequentar espetáculos, ler cadernos de cultura e livros sobre o assunto, ir a saraus, prestigiar companhias menores, enfim. Alimentar a alma com arte e dança.

A evolução de cada bailarino não deve ser delegada para a escola ou o professor, esta é uma responsabilidade individual. O aluno precisa buscar aprimoramento em tudo que faz e isso é uma busca constante e um caminho a ser descoberto de forma solo.

Um beijo e bom feriado para todos vocês, dancem bastante!

Juliana Ribeiro.

Juliana Ribeiro é coreógrafa, bailarina e diretora do Studio de Dança Juliana Ribeiro.

Posts Recentes

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search