Curitiba Cia de Dança se apresentou na abertura da Bienal de Curitiba

 Em Sem categoria

No dia 18 de outubro, às 20h, no Museu Oscar Niemeyer, estreou a 25ª edição da Bienal de Curitiba, referência em arte contemporânea e reconhecida pela imprensa especializada como um dos principais eventos de arte do mundo. A Curitiba Cia de Dança, escola respeitada no segmento na capital paranaense, foi a responsável pela abertura oficial do evento e apresentou uma performance inédita, em parceria com Alexandre Linhares, estilista responsável pela marcal H-AL, baseada em uma de suas obras, que consiste em fotografia em tecidos, manifestada no outdoor têxtil, em que fatias de bordados dialogam com visões independentes de uma mesma paisagem.

Oito partes refletem diferentes visões do mundo e formam um painel, assim como peças vestíveis pelos dançarinos. Em uma delas, as palavras retroalimentação, interdependência e circulação transitam livremente. Também existe o dialogo com a criação feminina, a agitação, a corrida, a pausa e o mundo que gira independentemente do seu entorno.

A parceria  com o estilista vai além da apresentação e também ocorrerá no novo epetáculo, “Relações”, com estreia marcada para o dia 7 de novembro, no Teatro Guaíra, com a coreografia do carioca Carlos Laerte.

A 25ª Bienal de Curitiba vai de 18 de outubro a 31 de dezembro de 2018, e contará com edição especial, envolvendo uma mostra principal e a participação de outros centros culturais da cidade, além de espaços públicos com programações paralelas, intervenções urbanas e exposições em galerias e museus.

 

FICHA TÉCNICA

Concepção: Alexandre Lunhas e Tifany

Coreografia: Claudio Fontan

Bailarinos: Elenco/Curitiba Cia de Dança: Clarrisa Moura, Danilo Silvestre, Davi Mero, Frederick Nicolás, Leonardo Silveira, Rubens Vital e Tatiana Araújo.

Estagiário: Mario Gilberto.

Posts Recentes

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search