Saiba quem são os 5 bailarinos mais importantes do mundo

 Em Diário da Ju

A dança também é feita por homens, por isso eu fiz uma lista dos cinco bailarinos mais importantes do mundo, aqueles que todo mundo precisa conhecer e reconhecer o seu legado. Confira:

Mikhail Baryshnikov

 

Aos 70 anos, o russo ainda é o nome mais importante da dança mundial e um dos maiores propagadores da dança contemporânea. Mesmo quem não sabe muito sobre o universo das artes e da dança é capaz de reconhecer o nome e a importância deste bailarino, que também é ator e coreógrafo. Baryshnikov revolucionou a dança masculina e tinha como marca os saltos que chegavam aos três metros de altura. Na Rússia, ele não evoluiu devido a dificuldades impostas pelo Balé Kirov, que o considerava baixo (1,68 m). Isso fez com que ele fosse para os Estados Unidos, para ser o principal bailarino do American Ballet Theatre e do New York City Ballet. Também encontrou o sucesso na atuação: foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante e para o Globo de Ouro por seu trabalho no filme “O Ponto de Mutação”, em 1977.

Joaquín Cortés

Quando se fala em dança flamenca, se fala em Joaquin Cortés. Formado em balé clássico, Cortés é famoso por trazer suas origens ciganas para a dança e tornou-se referência no flamenco. Com 14 anos já estava na companhia do Ballet Nacional da Espanha, onde chegou a ser solista, até começar a criar seus próprios espetáculos. Apresenta um novo olhar sobre a dança e seus trabalhos arrebatam multidões.

Rudolf Nureyev

Nureyev é considerado a primeira grande estrela da dança, aquele que transformou o papel do homem ao dançar. Antes dele o bailarino era secundário, sendo apenas um suporte para as mulheres. Nureyev foi também o primeiro artista a desertar da União Soviética em meio a Guerra Fria e o fez durante uma passagem pela França, em 1961, quando se apresentava com o Ballet Mariinsky. Sua trajetória como bailarino passa também pelo Royal Ballet de Londres e pelo Paris Opera Ballet. Morreu precocemente, em 1993, devido ao HIV. O Balé Bolshoi, que fica em Moscou, na Rússia, está programando para maio de 2018 a estreia de um espetáculo sobre sua vida, que ganhou o singelo nome de “Nureyev”.

Thiago Soares

O brasileiro Thiago Soares ocupa há 10 anos o título de principal bailarino de uma das mais importantes companhias do mundo, o Royal Ballet. Thiago começou como dançarino de hip hop e somente aos 15 anos iniciou no balé clássico. O talento era tanto que seis anos depois ele já estava no Royal Ballet de Londres e toda a trajetória do garoto prodígio está registrada no documentário “O primeiro bailarino”. Vale a pena assistir.

Fred Astaire

Ator e dançarino, Fred Astaire é um ícone, famoso pela cena clássica do filme “Cantando na chuva” e pela parceria com a também atriz e bailarina Ginger Rogers. Começou sua carreira performando em musicais em Londres, até chegar em Hollywood. Fred gostava que o filmasse de corpo inteiro, para que o público pudesse apreciar seu desempenho como um todo. Em toda sua carreira, esteve em mais de 40 filmes e recebeu um Oscar especial por sua contribuição à técnica dos musicais no cinema. Faleceu em 1987.

Juliana Ribeiro, coreógrafa e bailarina profissional especializada em dança contemporânea.

Posts Recentes

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search